Retrospectiva de Jean Nouvel no Musée des Arts Décoratifs

Móveis e objetos com a assinatura do francês estão em exibição desde o dia 26 de outubro

  • 7 novembro 2016
giz-arquitetura-jean-nouvel-retrospectiva-triptyques-gagosian-foto-aline-coquelle-06

O arquiteto francês Jean Nouvel

O Musée des Arts Décoratifs, em Paris, está com uma exposição dedicada ao arquiteto e design francês Jean Nouvel desde o dia 26 de outubro. Batizada de “Jean Nouvel – Mes Meubles d’Architecte. Sense et essence”, ela reúne mais de cem objetos e móveis de 1987.

giz-arquitetura-jean-nouvel-retrospectiva-unifor-lessless-color-design-foto-luc-boegly-lr-16jpg

O Musée des Arts Décoratifs recebe retrospectiva do arquiteto francês

A exposição teve curadoria do próprio Nouvel. As obras do design estão colocadas entre os objetos do acervo permanente do museu, buscando estimular um diálogo entre ambos. Essa integração objetiva captar fragmentos de espaço e transformar a percepção inicial por meio do uso de cores quentes para destacar todas as peças presentes.

giz-arquitetura-jean-nouvel-retrospectiva-arton-12

Sense et essence: a exposição contou com curadoria do próprio Nouvel

O arquiteto dos jogos de luzes

Ao ser agraciado com o Pritzker, maior prêmio da arquitetura, pelo conjunto de sua obra em 2008, “persistência, imaginação, exuberância e, acima de tudo, uma urgência insaciável pela experimentação criativa” foram expressões usadas para definir o trabalho de Jean Nouvel. Em seu trabalho, é permanente o uso de jogos de luzes, transparências e sombras. Entre suas obras de destaque, estão o Instituto do Mundo Árabe, construído em Paris, responsável por alça-lo à fama internacional, e a Torre Agbar, em Barcelona. Nascido em 1945, ele foi um dos fundadores do movimento Mars, em 1976, e do Sindicado da Arquitetura.

“Jean Nouvel – Mes Meubles d’Architecte. Sense et essence”
Em cartaz até 12 de fevereiro de 2017, no Musée des Arts Décoratifs, Paris, França

Conteúdos Relacionados