Revista Giz

03 Mai 2017 - Jul 2017

Água Viva

ArteDesign

Gabinete de curiosidades: as nuances op-art e entomológicas no trabalho de Christopher Marley

Série Biophilia do fotógrafo americano registra todo um inédito microuniverso paralelo de cores, texturas, formas, funções, cascas e conteúdos e antenas ligadas no zumbido que ecoa no planeta design

  • Por:André Rodrigues
  • Fotos:Christopher Marley
  • 27 junho 2017
giz-3-ensaio-insetos-6

Christopher Marley em autorretrato com a fotografia Celestina Inflorescence, Biophilia

Para definir seu trabalho artístico, Christopher Marley, 48, não poupa palavras: “Biophilia é uma exposição completa, que levou muitos anos para ficar pronta, e que aborda a nossa necessidade de conexão com o mundo natural. Seres humanos se interessam por outras formas de vida por algumas razões.

giz-3-ensaio-insetos-3

Vaso Metamorphosis, designers Camilla Brunelli e Simone Crestani; e Atlas Beetle, fotografia de Christopher Marley, Biophilia

Eu exploro esses motivos e seus efeitos, além de proporcionar uma intensa experiência biófila. O projeto comunica o nosso desejo de descobrir a natureza e de nos conectarmos a ela, ainda que em um nível artístico mais elevado”.

“Insetos são maravilhas estruturais: têm uma fachada protetora, são incrivelmente fortes e, frequentemente, super decorados”

giz-3-ensaio-insetos-2

Abajur I Ricchi Poveri – Bzzzz, design Ingo Maurer, FAS; no detalhe, Tree Hopper, fotografia de Christopher Marley, Biophilia; à direita, Jeweled Scarab Beetle, fotografia de Christopher Marley, Biophilia

As composições absolutamente coordenadas, de efeito super óptico e que remetem diretamente aos fundamentos da arte cinética, podem levar de duas horas a dois anos para ficarem prontas – e custam, depois de fotografadas, algumas centenas de milhares de dólares. Sua matéria-prima, Mr. Marley vai, literalmente, caçar nas florestas do mundo – insetos de toda a sorte.

giz-3-ensaio-insetos-4

Acima, à esquerda, tapete de tear manual Farfala, By Kamy; no centro, prato decorativo da série Tema e Variazioni, Piero Fornasetti; abaixo, ambiente decorado com móveis da Moooi. À direita, Chrysina Prism, fotografia de Christopher Marley, Biophilia

“As pessoas, em geral, só querem proteger criaturas com as quais têm alguma afinidade. A robber fly californiana, por exemplo, não tem nem metade dos aliados políticos para sua preservação que tem a desert tortoise, com quem compartilha o habitat. É exatamente por isso que meu trabalho não é meramente estético, mas carrega uma importância ambiental. Quanto mais eu inspirar as pessoas a entender e valorizar essas formas de vida rejeitadas, mais fácil será convencê-las de sua preservação – que é fundamental para o equilíbrio do planeta”, conclui com a simplicidade e a elegância reservadas aos homens da ciência. GIZ disseca a tendência dos insetos como motivo-design a partir de algumas criações do artista.

giz-3-ensaio-insetos-1

Prato da coleção Butterfly, Christian Lacroix. No detalhe e à direita, Finae, fotografia de Christopher Marley, Biophilia

“Seres humanos se interessam por outras formas de vida por algumas razões. Biophilia explora esses motivos e seus efeitos”

giz-3-ensaio-insetos-5

Balanços Cocoon, Irmãos Campana para Louis Vuitton, com Hymenoptera Java, fotografia de Christopher Marley, Biophilia, no detalhe. À direita, Aesthetica Mosaic, fotografia de Christopher Marley, Biophilia

 

 

Biophilia
biophiliaexhibit.org

By Kamy
bykamy.com

Camilla Brunelli
camillabrunelli.com

FAS
fasiluminacao.com.br

Irmãos Campana
campanas.com

Marché Art de Vie
marcheartdevie.com.br

Moooi
moooi.com

Simone Crestani
ateliercrestani.com

Vista Alegre
vistaalegre.com