Yamagata Arquitetura Arquiteto

Onde nasceram: Niterói, RJ (Paloma e Bruno), Santos, SP (Aldi)

Formação: Arquitetura e Urbanismo

Onde atuam: São Paulo, Rio de Janeiro.

Principais projetos: Residenciais e comerciais em São Paulo, Rio de Janeiro, mostras de décor como a Casa Cor

Bio

Nas pranchetas do estúdio Yamagata Arquitetura, transpor fronteiras é algo tão natural quanto os traços firmes que saltam de seus croquis para se materializar em projetos de grande expressão. Tem sido assim há 12 anos, desde que o escritório despontou em Niterói para se tornar um teaser quase instantâneo de residenciais, corporativos e empreendimentos para grandes construtoras.
De Niterói para o Rio, e do Rio para o Brasil, com obras de grande repercussão na mídia especializada, premiações e participações em mostras como a Casa Cor, o estúdio ganhou bastante prestígio na arquitetura contemporânea nacional. Mas Paloma, sócia-fundadora que emprestou muito mais do que o seu sobrenome para a empresa, sempre fez questão de acompanhar de perto cada etapa dos trabalhos que assina. E há muito tempo sonhava em retomar um formato mais hand made, customizado – e panorâmico – de seu business. “Nunca fiz nada sozinha, mas já tive 30 pessoas na equipe e, inevitavelmente, alguns processos acabam correndo o risco de ficar pasteurizados, o que destoa muito da minha filosofia – e metodologia – de trabalho”, aponta. Em novíssima fase, o escritório-boutique incorpora dois sócios: o designer de interiores Bruno Rangel, que atuou com a própria Paloma, ajudou a consolidar a marca entre 2004 e 2007, e retornou em 2012; e Aldi Flosi, consultor de estilo, curador e set designer conhecido por produções memoráveis em revistas como AD, Casa Vogue e Casa Cláudia. Do conceito à  entrega, todos participam intrinsecamente de todas as fases, mas cada um foca naquilo que faz de melhor: Paloma na Arquitetura, Bruno nos Interiores e Aldi na Finalização – em síntese simplista. “É um time absolutamente afinado. Gosto de trabalhar com amigos por perto, já que também é assim que enxergo os meus clientes. Realizar um projeto perfeito não é mais do que a obrigação de um arquiteto. Mas nosso estúdio vai muito além e, para tanto, é preciso que haja conectividade, envolvimento e entrega de todos”.
Ao elevar esse conceito à  terceira potência, equacionando diferentes olhares que convergem para uma abordagem em 360º graus do trabalho realizado, o estúdio oferece soluções  completamente originais – e diferenciais bastante competitivos. Uma experiência que vem reverberando positivamente entre a imprensa, os fornecedores e, é claro, o cliente final.
No novo formato, o estúdio ganha também filial paulistana no bairro dos Pinheiros, o que acentua a transposição de fronteiras de uma trinca especializada em criar cases emblemáticos (de apartamentos, casas, empresas, empreendimentos, cenografias e até objetos) para sonhar e se inspirar, em qualquer esfera e em qualquer lugar. Sem fronteiras.

Instagram

Conteúdos Relacionados